Reflexões

A inquietude da impermanência da vida invade o teu ser e faz acelerar o ritmo do movimento do teu sangue. Há horas cheias de adrenalina e outras de uma calma enervante. Pensas que sabes gerir a incerteza da vida, deixas-te levar na corrente, mas há alturas em que quase te esqueces de respirar.

Essa energia que mora aí dentro e te faz mover é a energia da criatividade. Com ela podes fazer tudo o que quiseres. Cabe-te a ti escolher o que queres fazer com ela. A inquietude de ter consciência das coisas torna-te vulnerável, no entanto, tu sabes como agir. Aproveita essa energia e cria coisas, dá vida àquilo que queres para ti.

Se pensares bem a energia sexual é uma força poderosa da Natureza que flui por todos os seres vivos, é a principal força criativa em todo o planeta. Em torno desta energia existem muitas crenças, ideias erradas e tabus. Antes de a partilhares com alguém deves reconhecê-la em ti e perceberes como a queres usar.

A tua energia sexual também é a tua energia criativa, já pensaste para onde a estás a canalizar? Quando decides canalizar o teu fluxo criativo para onde quer que seja, tudo se transforma em arte. Se o fizeres de uma forma consciente e canalizares mais vitalidade e fogo ao que pretendes, permites que a tua energia flua através do teu corpo, mãos e coração.

Como todas as grandes energias, esta também não é muito fácil de canalizar. É preciso estar atento, consciente e querer aplicá-la nas coisas que consideras certas. Uma vez consciente das coisas que podes criar, ficas impaciente pois queres ver resultados logo. O ser humano é inquieto e inconstante e quer tudo para ontem.

A vida é de algum modo impermanente e o ser humano quer de algum modo controlar tudo o que o rodeia. Podes não controlar tudo, mas poder descobrir o que te apaixona e fazer aquilo que te faz sentir bem. Procura algo em que estejas a trabalhar e experimenta novas soluções. Respira conscientemente e atrai alguma da energia criativa da força da vida. Enumera  pontos positivos de algum problema que estejas a enfrentar. Deixa o teu cérebro abrir-se e conceber soluções arrojadas. Vais ver que tudo vai fluir de outra forma.

Deixe uma resposta

© 2018 Guida Guardado